quinta-feira, outubro 21, 2021
DestinosTurismo

Qual é a sua praia? Lagos, rios ou lagoas brasileiras

Em um país com 8,5 mil km de litoral, o mar é atrativo soberano no verão e até mesmo no inverno. Mas não é o único. Para centenas de destinos brasileiros, a majestade está nos rios, lagos, lagoas e espelhos d’água que encantam turistas com inúmeras atividades de ecoturismo, aventura e lazer.

Para incentivar viajantes brasileiros e estrangeiros a desfrutarem dos 8,5 mil quilômetros de litoral e dos cerca de 35 mil km de vias internas navegáveis no Brasil, a AQUA SPACE separou uma cartilha publicada pelo Ministério do Turismo com dicas sobre destinos e atrações de turismo náutico que você verá na publicação seguinte.

Qual é a sua praia? Lagos, rios ou lagoas brasileiras para turista ver, nadar, fotografar e amar 💙

Em Brasília  tem seu incrível lago Paranoá;

em Florianópolis  na charmosa Lagoa da Conceição;

no Amazonas  com as belas e misteriosas águas do maior rio do país;

e no estado de Sergipe único na beleza dos paredões dos cânions do São Francisco.

O interesse por esportes aquáticos também cresce em Florianópolis: a Lagoa da Conceição oferece um cardápio qualificado que vai do kitesurf, ao jet-ski, passando pelo windsurfe, stand up paddle, vela e caiaque, um verdadeiro espetáculo esportivo em cerca de 15 km2 de espelho d’água. Sem falar na vista dos decks, onde dá para assistir ao nascer e ao pôr do Sol diariamente.

No coração do cerrado brasileiro, ver o sol se despedir no lago Paranoá é atração das mais democráticas: principalmente nos finais de semana, apreciadores posicionam suas câmeras fotográficas nos decks, píeres ou a bordo de uma das embarcações ancoradas no lago.

As águas que abraçam Brasília de norte a sul se tornaram ponto de encontro para famílias, jovens em festas a bordo de lanchas, atletas amadores e profissionais de inúmeros esportes. As orlas próximas aos clubes já investem, inclusive, em aulas de Stand Up Paddle (SUP), natação e windsurfe para todas as idades – a demanda é alta na cidade que tem um dos melhores índices de qualidade de vida do Brasil.

Quem gosta de luxo também está visitando outras “praias”. No norte do país, um cruzeiro navega pelos rios Amazonas e Solimões e, de quebra, oferece experiências em meio à fauna e flora da maior floresta tropical do mundo. De dentro do barco-hotel, é possível apreciar o encontro dos rios Negro e Solimões e o ballet simpático dos botos cor de rosa ou, ainda, “ganhar” o leito do rio, em pequenas embarcações, em tardes ou noites de pesca esportiva. Um restaurante temático oferece cardápio com gastronomia típica da Amazônia, tornando a experiência ainda mais rica e saborosa.

No estado de Sergipe, as belezas naturais do São Francisco estão entre os roteiros mais encantadores. Para visitar o Cânion do Xingó, é preciso partir de Aracaju até Canindé por terra (cerca de 200km) e, depois, pegar um catamarã ou escuna até a atração final. O passeio dura o dia todo.

Do surf ao jet-ski: a “praia” dos destinos sem mar. Você tem um lugar para indicar? Deixe nos comentários.

Mergulhe Nesse Universo!

Leave a Response